Hoje
Máx C
Mín C

Câmara aprofunda parceria com Agrupamentos de Escolas

Aberturaanoletivo 1 728 2500

A Câmara Municipal da Marinha Grande realizou uma sessão solene de início do ano letivo, que teve lugar no dia 11 de setembro, na Casa da Cultura Teatro Stephens, onde apresentou o Plano Municipal de Atividades Educativas.

A cerimónia de boas-vindas aos responsáveis dos três Agrupamentos de Escolas do concelho e aos respetivos professores, contou com as intervenções da Presidente da Câmara Municipal, da vereadora da educação e dos diretores dos agrupamentos.

Para a presidente da Câmara, Cidália Ferreira, “a Educação sempre foi uma aposta da Câmara Municipal da Marinha Grande, por esta razão ao longo dos anos se têm realizado projectos educativos inovadores. Se a autarquia investe fortemente nesta área, é com todos os parceiros (alunos, professores, pessoal não docente e encarregados de educação) dos Agrupamentos de Escolas, que desenvolvem os projetos edu-cativos de excelência que temos no nosso concelho”.

Cidália Ferreira acrescenta que “os projetos educativos inovadores que se realizam com o apoio de todos, são fundamentais para o sucesso do nosso ensino, para uma aprendizagem assente na formação e qualificação diferenciadora, dotando os nossos alunos de competências para um futuro promissor. A Autarquia orgulha-se deste trabalho conjunto, onde todos nos encontramos imbuídos do mesmo espírito, e onde juntos trabalhamos em verdadeira harmonia, contribuindo para o mesmo fim, um futuro melhor para os nossos jovens”.

Foi apresentado o novo Plano Municipal de Atividades Educativas que condensa os projetos que a Câmara Municipal vai implementar este ano letivo nas escolas. Trata-se de uma estratégia municipal que tem como objetivo contribuir para potenciar o sucesso escolar dos alunos com intervenção no ensino pré-escolar e 1.º Ciclo, através da capacitação de competências cognitivas e não-cognitivas, de forma a prevenir comportamentos de risco e abandono escolar.

O objetivo é fazer um caminho conjunto com os agrupamentos de escolas de forma a criar-se um Projeto Educativo Municipal no próximo ano letivo. O documento contempla áreas como as atividades educativas, ambientais, culturais, atividade física e de apoio aos alunos e às famílias.