Hoje
Máx C
Mín C

"Bocage, o mais Honesto Homem para se Amar" em palco no Teatro Stephens

Bocage 1 728 2500

“Bocage, o Mais Honesto Homem para se Amar”, com a reconhecida atriz Rita Ribeiro, é a peça de teatro que sobe ao palco da Casa da Cultura - Teatro Stephens, Marinha Grande, no dia Dia Mundial do Teatro, 27 de março, pelas 21h30.

Com texto de Sandra José e encenação de João Ascenso, no palco vão estar além de Rita Ribeiro, Sandra José e Alexandra Pato, a formarem um trio que, irá transportar o público através de uma viagem à vida e obra de Bocage, um poeta singular, cuja linguagem crua e liberta de falsos pudores leva os espetadores a perceberem como a obra e vida do poeta se cruzam, num misto de revolta e desafio.

Como nos é revelado através da sinopse da peça: "Poderiam ter sido de uma mulher, aquelas palavras que muito magoam quem as escuta. Poderiam ter sido ditas a cantar, por um bom e belo trovador, talvez assim nos entranhassem mais e as estranhássemos menos. Mas as palavras ditas, a cru, sem receio de alheios e freios, é o que as faz serem apetecidas e repetidas e vomitadas e gozadas em voz alta e não entre dentes cerrados. Venham, calem-se e escutem!

E, se do amor já ouviram mentiras, aqui do amor ouvirão verdades. A Bocage faremos um brinde. Não fosse ele o melhor e mais honesto homem para se amar.".

A música original deste espetáculo é de Artur Guimarães, no piano vão estar Artur Guimarães e António Andrade Santos e, no acordeão, Tiago Pirralho.

Os figurinos são de Dino Alves, desenho de luz, de Rui Braga, e produção de MagiAbrangente.

Aceite a sugestão de assistir a este espetáculo porque, se gosta de Bocage e quer conhecê-lo melhor, esta é uma oportunidade a não perder, ou não fosse Rita Ribeiro e as atrizes que a acompanham, verdadeiras forças da natureza em palco.

Com a duração aproximada de uma hora, a peça “Bocage, o Mais Honesto Homem para se Amar”, destina-se a um público maior de 16 anos. O preço dos bilhetes é de €8,00, e podem ser adquiridos de terça-feira a domingo,das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00. Nos dias de espetáculo,das 18h00 às 22h00.

 

Dia Mundial do Teatro

A data foi criada em 1961 pelo Instituto Internacional do Teatro e assinala esta arte milenar que tem sido um dos mais poderosos meios de divulgação da cultura de diferentes povos.

Desde a antiguidade, o homem usou o teatro como forma de expressão, existindo vários géneros teatrais como, a comédia, o drama, a farsa, a tragédia, a tragicomédia, o melodrama, a revista e o teatro infantil, entre outros.

Em Portugal, Gil Vicente, autor de diversas obras teatrais, é um dos nomes mais conhecidos do teatro português.