Hoje
Máx C
Mín C

“Reerguer das cinzas o Pinhal do Rei”

Conferenciareerguer 18nov 1 728 2500

A Assembleia Municipal e a Câmara Municipal da Marinha Grande promovem a conferência “Reerguer das Cinzas o Pinhal do Rei”, no dia 18 de novembro de 2017 (sábado), pelas 14h30, no Auditório da Resinagem, situado na Praça Guilherme Stephens.

A conferência vai debater o modelo de recuperação do Pinhal do Rei e tem o seguinte programa:

Gabriel Roldão (Autor do livro “Elucidário do Pinhal do Rei”);
Dados curriculares:
Estudioso, investigador e conferencista, é autor de várias obras, estudos e trabalhos nos domínios da História, Genealogia e Toponímia.
Estudioso do Pinhal de Leiria há mais de 4 décadas, publicou, em 2017, o livro “Elucidário do Pinhal do Rei”, tendo sido uma das vozes que mais se bateu, publicamente, pela sua defesa e conservação.
Membro fundador APILEI – Amigos do Pinhal do Rei.

Eugénio Sequeira (Engenheiro agrónomo, Investigador, Professor, membro do Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável)
Dados curriculares:
Engenheiro Agrónomo, Investigador , Professor Catedrático, Conselheiro do Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável.
Membro e ex-Presidente da Liga para a Protecção da Natureza foi agraciado, em 2013, com o prémio Ambientalista do Ano, atribuído pela Quercus.
Membro da Sociedade Portuguesa da Ciência do Solo, da Sociedade Portuguesa de Pastagens e Forragens, bem como de sociedades ligadas à protecção do ambiente como a Quercus e o GEOTA.
É vogal da Direcção Nacional, na Câmara Ambiental, da Associação para uma Gestão Florestal Responsável.
Tem mais de 400 títulos publicados, quer em publicações de índole científica, quer de divulgação e de formação.

Miguel Galante (Engenheiro florestal, membro da direção da Sociedade Portuguesa de Ciências Florestais);
Dados curriculares:
Licenciado em Engenharia Florestal e pós-graduado em Ordenamento do Território e Planeamento Ambiental.
Membro da Direção da Sociedade Portuguesa de Ciências Florestais.
Foi colaborador nos Serviços Florestais na área da Defesa da Floresta Contra Incêndios.
Integrou as equipas técnicas que procederam aos estudos de implementação da Estratégia Nacional para as Florestas.

- Discussão aberta aos presentes.

A entrada é livre.